Business Storm: Cascais recebe “tempestade de negócios” no início de junho

Além das palestras, será ainda montado um cenário meteorológico, com a simulação de trovada, efeitos de chuva, sol e ainda arco-íris

Cascais vai receber uma “tempestade de negócios” a 1 e 2 de junho. O Business Storm é um evento internacional que chega a território português e que vai cruzar temas como o desenvolvimento de negócio, inovação e a indústria 4.0 com a discussão de características pessoais (soft skills) como a tomada de decisão, técnicas de vendas e gestão de stress.

“A edição de Portugal será adaptada ao ecossistema empresarial local”, refere Maia Pedro, um dos organizadores, ao Dinheiro Vivo. Durante dois dias, mais do que palestras, os participantes “serão constantemente desafiados, com idas ao palco e resoluções rápidas de problemas”.

Além das palestras, será ainda montado um cenário meteorológico, com a simulação de trovada, efeitos de chuva, sol e ainda arco-íris. “Os negócios são feitos de constantes desafios, turbulências, e constantes mudanças de cenário, daí a meteorologia mudar ao longo do dia”, refere Maia Pedro, que está a organizar este evento com João Salgueiro, fundador do Afterwork, e Gonçalo Henriques, da Portuguese Entrepreneurs.

Portugal é o segundo país a receber este evento, depois da estreia, na Bulgária. As próximas edições deverão ser realizadas em cidades como Berlim, Mónaco, Londres, Dubai, Singapura ou Hong Kong.

Para já estão confirmadas as presenças de Carlos DaSilva, diretor do Founders Institute, Kelvin Lee, diretor de marketing de social media da Thompson Reuters, e do empreendedor social Aleks Bozhinov. Os bilhetes estão à venda na página do evento e custam entre 99 e 289 euros.

Autor – Diogo Ferreira Nunes

Fonte – Dinheiro Vivo